DOCÊNCIA ORIENTADA

APG303 / APG304 – Mestrado

APG305 / APG306 - Doutorado

    O estágio de docência é uma atividade curricular para discentes de pós-graduação que se apresenta como disciplina denominada "Docência Orientada", sendo definida como a participação de discente de pós-graduação em atividades de ensino na educação superior da UFSM, servindo para a complementação da formação pedagógica dos pós-graduandos.

      Conforme o Regimento Geral de Pós-Graduação da UFSM será considerado atividades de ensino:

  • Ministrar um conjunto pré-determinado de aulas teóricas e/ou práticas que não exceda a (30%) trinta por cento do total da carga horária da disciplina e no máximo 4 horas semanais de estágio de docência;
  • Auxiliar na preparação de planos de aula e/ou atuar no atendimento extraclasse aos discentes;
  • Participar em avaliação parcial de conteúdos programáticos, teóricos e práticos;
  • Aplicar métodos ou técnicas pedagógicas, como estudo dirigido, seminários, etc.

       Os alunos de Pós-Graduação da UFSM, em nível de Mestrado e Doutorado, poderão matricular-se na disciplina “Docência Orientada”, correspondente à atividade em disciplina de graduação. Para integralização curricular cada disciplina equivale a 15(quinze) horas e (1) um crédito, o mestrando poderá totalizar até (2) dois créditos e os doutorandos até (4) quatro créditos, podendo efetuar a matrícula em uma ou mais disciplinas de Docência Orientada, conforme seu plano de estudo.

       Por se tratar de atividade curricular, a participação dos discentes de pós-graduação no Estágio de Docência não criará vínculo empregatício e nem será remunerada.

      As atividades de ensino desenvolvidas pelo discente de pós-graduação em Estágio de Docência Orientada deverão ser compatíveis com a área de pesquisa do programa realizado pelo pós-graduando, devendo ser desenvolvida sob a supervisão do professor responsável pela disciplina ou por outro professor de carreira do magistério superior, designado pelo departamento de ensino no qual a disciplina está vinculada.

    Aos alunos bolsistas da Capes, CNPQ, Fapergs e demais agências de fomento, é obrigatório o estágio de docência, sendo que o programa que possuir os dois níveis, mestrado e doutorado, a obrigatoriedade ficará restrita ao aluno de doutorado, devendo este aluno efetuar o mínimo de dois semestre e máximo de três semestres em estágios de docência. Ao aluno bolsistas e docente de ensino superior, que comprovar tais atividades, ficará dispensado do estágio de docência.

    COMO PROCEDER:

1) O discente deverá elaborar um Plano de Trabalho em conjunto com seu orientador, com base no conteúdo a ser ministrado, não podendo ultrapassar 30% da carga horária da disciplina;

2) O Plano de Trabalho deverá ser encaminhado à Coordenação do Programa, em duas vias, assinadas pelo aluno e seu orientador, para a apreciação do Colegiado do programa antes do final do semestre anterior ao da prática da docência ou durante a primeira semana do semestre letivo;

3) O Plano de Trabalho deverá ser aprovado pelo Colegiado do PPG e após pelo Colegiado do Departamento a que esteja vinculada a disciplina. Somente após o conhecimento do departamento o discente poderá executar o Plano de Trabalho.

 

Acesse aqui 👉 Modelo de Plano de Trabalho de Docência Orientada

   

Base Legal:

- Resolução N. 015/2014/UFSM - Regimento Geral da Pós-Graduação Stricto Sensu e Lato Sensu da Universidade Federal de Santa Maria.

- Portaria nº 76 de 14 de abril de 2010 - REGULAMENTO DO PROGRAMA DE DEMANDA SOCIAL – DS / Capes.